Sua versão do navegador está desatualizado. Recomendamos que você atualize seu navegador para uma versão mais recente.

Sua visita ajuda a manter nosso site!

Seja Bem Vindo. 

www.portofolha.com

é uma página focada na história e evolução de Porto da Folha.

Homenagem a SAM Itabi

    

Apesar dos pesares, LULA se mantém na dianteira, liderando com folga a corrida presidencial 2018 ....


Juiz Sérgio Moro decide que recibos de aluguel de Lula em São Paulo não são "materialmente falsos". . . .


 A injustiça é algo que não deve prevalecer na Justiça ....


Lava Jato busca donos de R$ 2,52 bilhões na Suíça; investigação deve ser estendida à China ...


SETE (7) em cada 10 brasileiros são contra a privatização de estatais ...


Brasil deve ter documento de identidade unificado a partir de julho; veja o que muda . . ....


Grupos pró e contra Lula vão protestar antes, durante e depois do julgamento .... 


INSS gastou 1,1 bilhão em benefícios pagos a mortos, diz relatório ....


Governo de Sergipe abandona as rodovias estaduais e a situação se agrava a cada dia ....


Voluntários recolhem quase 370 kg de lixo na praia da Orla da Atalaia ....


→Favela da Rocinha, no Rio, já foi roça de verdade; conheça suas origens .... 


STF proíbe greve de policiais civis, militares, rodoviários e federais ....


Esquerda já deslumbra cenário sem Lula na disputa presidencial 2018 ....  ....


Em meio à seca, transposição do São Francisco divide nordestinos ....


Ex-presidente do STF aceita integrar defesa de Lula ....


Sempre existiu caixa dois, diz Emílio Odebrecht à Justiça .... 

 

Ilha de São Pedro  

          Dentre as nove povoações de Porto da Folha, Ilha de São Pedro é a mais antiga. Ali entrou em atividade a primeira sede do município com o orago Freguesia de São Pedro do Porto da Folha.

          No final do século XVIII a tribo xocó, remanescente de vários outros grupos indígenas, possuía cerca de 300 famílias vivendo do artesanato, caça, pesca e do cultivo da mandioca. Influenciados pelos costumes europeus implantados pelos invasores, incluindo sacerdotes capuchinhos e jesuítas ministrando o catolicismo como principal religião, os índios findaram perdendo parte de sua cultura, principalmente na fase que foram expulsos de suas terras pelos grileiros. A posse ilegal das terras por fazendeiros motivou a fuga de boa parte dos Xocó para Alagoas, especialmente os que viviam na Caiçara; contudo, cerca de oito famílias resistiram às pressões permanecendo na Ilha de São Pedro. A enfraquecida tribo passou por grande privação até o reconhecimento dos seus direitos pela Justiça.  Apoiados pela tribo Kiriri, de Colégio/AL, os desertores Xocó conseguiram em 1978 recuperar sua identidade e o direito de reaver parcialmente suas terras. A partir daí a tribo se organizou a ponto de resgatar e manter costumes importantes como o toré (ritual sagrado realizado afastado da aldeia com dança, indumentária típica e bebida de jurema); embora alguns tenham adotado o catolicismo como principal religião, toda vez que acontece missa na localidade os índios dançam o toré nas imediações da matriz.

          Na década de 90 a Ilha de São Pedro foi reconhecida como reserva indígena dos xocó, porém a luta pela recuperação integral da fazenda Caiçara, ainda ocupada por fazendeiros, continua. No ano 2005 a Ilha de São Pedro contava com um aglomerado de 59 casas e cerca de 250 índios sobrevivendo da pecuária, pesca, cerâmica e do cultivo de gêneros alimentícios.  

     

 EMISSORAS EM DESTAQUE

São PauloSão Paulo Ao vivoAo vivo

Rád Porto Web
Porto da Folha
Ao VivoRád Porto Web Porto da Folha Ao Vivo

Ribeirão Preto SPRibeirão Preto SP Santos SPSantos SP